Arquivo da tag: lançamento

Mitsubishi vai fazer o Lancer e o Pajero no Brasil

 

A Mitsubishi Motors anunciou hoje que irá investir R$ 800 milhões nos próximos cinco anos para montar no país dois novos modelos no país.

O primeiro deles serã o  Pajero Dakar, que hoje é importado da Tailândia. O SUV usa a mesma plataforma da L200 Triton, que já foi nacionalizada em 2011.

Agora, a novidade mesmo será a nacionalização do sedã médio Lancer, que joje não é nem oferecido por aqui. A produção deve começar já em 2011.

O valor anunciado será capaz de dobrar a capacidade de produção da fábrica goiana. Irá de 50 mil unidades ano, para 100 mil unidades, ano.

Anúncios

Renault volta com a série especial Sandero Vibe

Aparentemente a Renault gostou do sucesso alcançado com o seu Sandero Vibe, lançado como série especial em junho de 2009, tanto é que ele está de volta na linha 2010. 

Com um visual mais esportivo e com uma atrativa lista de equipamentos, o Sandero Vibe será oferecido nas concessionárias da marca por preço sugerido a partir de R$ 38.590, ante os R$ 40.700 pedidos pelo modelo do ano anterior.

A série especial chega com frisos laterais pretos. O painel de instrumentos ganhou anéis cromados, e a cor Vermelho Fogo passou a fazer parte do catálogo de opções. O visual do Vibe é oferecido com faróis escurecidos, lanternas traseiras do tipo fumê, rodas de 15 polegadas (grafite), maçanetas e retrovisores na cor da carroceria, faróis de neblina e ponteira do escapamento cromada.

O Sandero Vibe é equipado de série com ar-condicionado, direção hidráulica, vidros e travas elétricas, travamento automático das portas a 6 km/h, brake-light, banco do motorista com regulagem de altura e rádio com MP3 com comando satélite na coluna de direção. Os airbags duplos são opcionais.

Equipado com o motor 1.6 8V Hi-Torque, que rende até 95 cv de potência, a Renault pretende comercializar todas as 2.600 unidades da versão até maio.

Audi RS5 com 450 cv é mostrado oficialmente

A Audi quer mesmo ser uma marca premium esportiva. Agora mais um de seus bólidos é apresentado. Destava fez foi o RS5, versão ainda mais apimentada do cupê A5

E o carro chega com atributos para impressionar os amantes dos carros velozes. Começando pelo potente e bonito bloco 4.2l V8 que gera respeitáveis 450 cavalos de potência.

Mesmo com 1.725 kg de peso, o esportivo chega aos 100 km/h partindo da imobilidade em apenas 4,6 segundos. A velocidade máxima é eletronicamente limitada em 250 km/h, mas a Audi informa que pode alterar o limitador para que o RS5 atinja os 280 km/h.

A transmissão é já bastante conhecida S Tronic com dupla embreagem e sete velocidades. O  consumo médio , caso o comprador deste carro se importe, é de 9,2 km/l.

O diferencial do RS5 funciona em conjunto com a tração integral quattro (nome dado pela Audi à suspensão. O dispositivo traz engrenagens acopladas a uma embreagem multidisco com distribuição eletrônica de torque.

Desta maneira, a força pode chegar até 70% à dianteira ou 85% à traseira. Como opcional a Audi também oferece um diferencial com escorregamento limitado para o eixo traseiro para aumentar a aderência do modelo em curvas. Nada mau heim?

O RS5 vem com um estiloso aerofólio, que se levanta automaticamente a partir dos 120 km/h e se some a menos de 80 km/h. Para dar charme ao esportivo os faróis são de LEDs.

Os assentos são esportivos e vem com revestimento de couro e alcântara com funções de aquecimento e resfriamento. No interior, detalhes de fibra de carbono, pedais de alumínio, faróis de Xenon, cronômetro para contar voltas em circuito, sistema de navegação e escapamento com controle de som.

O carro será apresentado oficialmente no Salão de Genebra, em março.

Galeria do Peugeot 5 concept ou futuro 508

A Peugeot enfim parece ter conseguido abandonar o design do “olho puxado”. Pelo menos é o que mostra o conceito Peugeot 5, que além de ser muito bonito antecipa as futuras linhas do 508, que chegará para ocupar o lugar do 407 e do 607.

Por causa da beleza do carro resolvemos colocar uma galeria de fotos do modelo. Confesso que sempre fui fã do design francês. Para mim os melhores do mundo juntamente com o italiano.

O problema deles são dois: 1) Parte mecânica, fraca comparada aos alemães. 2) Confiabilidade, que nem faz sombra aos japoneses (com recall e tudo).

O Peugeot 5 comemora os 200 anos da marca francesa e traz consigo o novo logotipo da Peugeot, que teve estreia no também imponente conceito SR1.

A Peugeot não teve medo de ousar nas linhas marcantes do carro. Começando pelo capê que tem linhas fortes e traz o símbolo da marca afundado entre duas linhas pronunciadas.

No caso do Peugeot 5 (ou 5 by Peugeot) impressiona além das linhas o seu tamanho bem generoso. São 4,86 metros de comprimento, 1,88 m de largura, 1,42 m de altura e 2,81 metros de entre-eixos.

Um porte semelhante ao de Citroën C5, VW Passat e Ford Mondeo, que devem ser os seus maiores concorrentes juntamente com o Opel Insignia.

Os faróis deixaram de ser esticados e ganharam iluminação compostas por LEDs e fibra óptica.

Na parte mecânica o Peugeot traz o sistema de propulsão híbrida HYbrid4. Um 2.0l diesel despeja 163 cavalos nas rodas dianteiras, enquanto um motor elétrico de 36 cv se encarrega de tracionar o eixo traseiro. Com tração nas quatro rodas.

Al[em de tudo isso a fabrica garante que o carro é economico e não poluente. Emite 99 g de CO2 por quilômetro rodado e atinge uma média de consumo de 26,3 km/l.

O interior do carro, assim como maiores informações sobre o carro serão reveladas em março, no Salão de Genebra. Por enquanto babem nas fotos:

Novo Audi A1 chega sem muita ousadia

Acabou o mistério. O compacto Audi A1 teve as suas primeiras imagens reveladas por alguns sites internacionais. O pequeno da Audi chega com a missão de brigar com carros de nicho, como o Mini Cooper, Fiat 500, Smart Fortwo, entre outros.

Diferentemente do que muitos gostariam, ele não tem a missão de brigar por preço, ser barato. A questão aqui é agradar um público diferenciado, que quer um carro divertido e com sacadas inteligentes.

Por causa de sua proposta, o modelo chega com um visual esportivo e requintado. A Audi usou o exemplo daMini e irá disponibilizar uma boa gama de personalização. Um dos exemplos é a coluna do teto, que poderá vir na cor que o cliente escolher.

As informações tecnicos do Audi A1 ainda não foram divulgadas, mas é certo que a Audi irá apostar nos compactos motores de 1.2 e 1.6 litros TFSI que contarão com a ajuda extra de turbo compressores.

O carro deverá vir ainda acompanhado de um sistema de recuperação de energia e o Start & stop, que contribui para a economia de combustível.

Por dentro, o Audi A1 não tem grandes ousadias. Os equipamentos parecem ser simples, mas de bom gosto. O painel vem com saídas de ar e botões arredondados e alguns acabamentos cromados.

Além de bancos forrados em couro em dois tons. Neste compacto só terão espaço para viajar quatro pessoas.

A verdade é que a Audi foi pouco ousada para a proposta do carro. Já que ele não será barato, deveria trazer mais estilo e inovações, não acham?

Kia revelas as primeiras imagens do Sportage

A Kia revelou hoje as primeiras imagens da próxima geração do seu SUV Sportage. O carro mudou completamente assim como o seu irmão, o Hyundai Tucson.

Comandada pelo design Peter Schreyer, a marca coreana tem tratado de atualizar toda a sua linha de veículo. E até aqui o trabalho é muito bem feito.

O utilitário Sportage será um dos últimos da linha a receber mudanças. O carro será lançado oficialmente no Salão de Genebra, em março.

O Sportage deixou de lado o visual fora-de-estrada de sua segunda geração para ganhar linhas mais esportivas e estradeiras.

Na dianteira, o Sportage ganhou os elementos visuais da marca. Principalmente com os faróis largos, que lembram o Sorento.

Já a traseira está imponente, com novas lanternas invadindo as laterais.

A Kia afirma que a nova geração do Sportage está mais longa, baixa e larga. O jipão chegará primeiro na Coréia do Sul, depois Europa e Estados Unidos.

No Brasil, o carro deverá ser mostrado no Salão de São Paulo em outubro. As vendas devem começar em 2011.

Vergonha: Fiat acaba com a Strada Treeking 1.8l

As vezes o departamento de marketing das fabricantes de carros fazem cada burrada que parece coisa de principiante. A Fiat lançou a nova Strada no ano passado toda reformulada e com várias versões.

Tempos depois, sem mais nem menos, a Fiat resolve acabar com uma versão que ela própria lançou. Neste caso é a Fiat, com Strada Trekking 1.8l Flex que deixou de existir. O carro nem aparece mais no site da Fiat.

Quer uma Strada Trekking? Só se for com motor 1.4l Flex. A justificativa é a chegada da versão Sporting, que já está em produção. Poxa, mas então porque lançou a versão anterior?

E ainda tem mais, a Sporting será lançada com o motor 1.8l que daqui a alguns meses dará lugar ao 1.6 16V Tritec. E o cuitado que comprar uma Trekking 1.8l ou uma Strada Sporting 1.8l ficará com um mico na mão.